Quando a maioria de nós pensa em líderes, geralmente nos concentramos naqueles indivíduos que se destacam como particularmente poderosos, populares ou altamente influentes. Podemos pensar em presidentes e políticos atuais e passados, palestrantes de renome mundial e líderes de pensamento, gurus empresariais e corporativos, até mesmo celebridades do esporte e do entretenimento.

Mas a verdadeira liderança não é definida pela popularidade, poder externo ou influência. Líderes fortes estão frequentemente trabalhando em segundo plano e fora dos holofotes, confortáveis ​​e confiantes em sua capacidade de afetar a mudança, atraindo o melhor dos outros.

Liderança não tem nada a ver com título. Um verdadeiro líder não deseja poder e controle sobre os outros. Em vez disso, um líder forte marca seu sucesso pelo número de pessoas que ele inspira e capacita.

Eles fazem isso não pela força, intimidação ou coerção, nem pelo seu nome, posição ou posição. Eles o fazem através de suas ações e demonstrando seu poder pessoal, valores e integridade em todos os momentos.

Vejamos o que faz um líder forte e que tipos de metas de liderança inspiram bons líderes a se tornarem ainda melhores.

1. Desenvolvendo Responsabilidade Pessoal e Autodisciplina

Se você quer se tornar um líder melhor, precisa entender e ter liderança em si mesmo. A fim de ensinar os outros a assumir responsabilidade e liderança em seu próprio trabalho e vidas, um líder forte se esforça sempre para demonstrar e modelar essas qualidades.

Isso significa aceitar a responsabilidade total pela sua vida, incluindo decisões, ações, comportamentos e resultados, sejam eles positivos ou negativos. Significa ver os erros e os sucessos de uma pessoa com igual apreciação pelas lições e pelos presentes que transmitem.

Ser um líder forte também significa praticar e desenvolver a autodisciplina para que as decisões e ações de uma pessoa sejam tomadas de maneira imparcial e controlada, e que a pessoa esteja sempre plenamente consciente e preparada para as repercussões dessas ações e decisões.

2. Aprendendo a falhar graciosamente

Um verdadeiro líder busca a perfeição, entendendo que é uma ilusão que não pode ser realmente alcançada. Como tal, eles esperam fracassar pelo menos com a mesma frequência que conseguem, e simplesmente contam as perdas na equação.

Tentando encobrir ou esconder seus erros e fracassos, ceder à raiva ou culpar os outros por suas perdas não apenas os faz parecer tolos; também os priva da oportunidade de aprender com suas perdas e crescer como líderes.

Um líder forte não tem medo ou vergonha de falhar e, em vez disso, examina completamente as perdas, vasculhando-as completamente em busca de oportunidades de aprendizado, fazendo ajustes e melhorias para o futuro. Um líder se recusa a deixar passar o valor de seus erros.

Desta forma, um bom líder pode se afastar de seus erros e falhas com graça e dignidade, capacitando e permitindo que outros façam o mesmo.

3. Praticar a escuta atenta e ativa

O psicólogo clínico e professor canadense Jordan B. Peterson ensinou que devemos tratar todas as pessoas que conhecemos como se elas soubessem algo valioso que não conhecemos.

Ao fazê-lo, abordamos cada pessoa, independentemente da posição ou título, com a curiosidade da mente de um principiante e tratamos os outros de uma forma que é naturalmente respeitosa.

Quando um bom líder pratica esse tipo de escuta, ele não apenas promove o respeito naqueles que lidera, mas também ganha com a sabedoria inerente a cada pessoa.

4. Desenvolver o bem-arredondado

Uma chave importante para o sucesso como líder em qualquer área é o desenvolvimento de múltiplas áreas de competência.

Isso significa potencialmente dominar disciplinas separadas que, à primeira vista, podem não ter uma conexão óbvia, mas que, em última instância, fornece uma “caixa de ferramentas” robusta e variada de habilidades e conhecimentos para escolher quando confrontadas com situações difíceis ou desafiadoras. E até mesmo os objetivos mais elevados exigem as habilidades e o conhecimento para fazer as coisas no mundo real.

Ser bem-feito em seu escopo de experiência e habilidades também significa que será mais capaz de se relacionar, entender e, portanto, liderar um espectro mais amplo de pessoas.

5. Construindo Resiliência

Este vai de mãos dadas com o número 4 acima. Ao sempre se esforçar para aumentar e diversificar seu conhecimento e competência, um bom líder constrói a resiliência diante das dificuldades.

Você pode pensar em resiliência como o oposto da impotência, mas resiliência é aquele conjunto de qualidades e traços de caráter que nos permite permanecer flexíveis em tempos de mudança, para nos curvarmos em vez de romper quando enfrentamos tensões e desafios, e para suportar e superar as inevitáveis ​​dificuldades e fracassos da vida.

A resiliência também pode ser de natureza financeira; estabelecer uma base sólida na qual alguém é capaz de administrar o dinheiro sem sucumbir à tentação, sendo indevidamente influenciado pelas tendências passageiras, ou se comportando de forma imprudente, permitirá que se resista às tempestades financeiras graciosa e independentemente.

Saiba mais sobre como criar resiliência neste guia:

Como construir resiliência para sobreviver neste mundo difícil

6. Desenvolvendo Presença de Liderança

Para ser um líder eficaz, é preciso ganhar o respeito dos outros. Não é suficiente ter as habilidades e o conhecimento para realizar as coisas – um líder deve conquistar a lealdade e a lealdade daqueles que espera liderar.

Embora a confiança, as habilidades de comunicação e a postura possam certamente ajudar a criar a aura de liderança, isso não é suficiente. Não importa o quão polido você seja, se você não for uma pessoa íntegra, seu poder será reduzido.

Integridade vem de saber quem você é, sendo claro sobre seus valores fundamentais e o que você defende, e então se comportando e falando de acordo com tudo isso. Você não pode esperar inspirar lealdade, honestidade e respeito nos outros se não se comportar de maneira honesta, leal e respeitosa.

Humildade e abertura de espírito são outras qualidades vitais que você deve ter se quiser ser um líder inspirador e respeitado.

7. Identificando e Promovendo a Liderança nos Outros

Seguidores são importantes. As pessoas que tomam direção e executam as minuciosas operações de processos complicados literalmente fazem o mundo funcionar.

O papel do líder, por outro lado, é principalmente orientar, delegar e dirigir os outros. Ele ou ela entende que é de vital importância para tornar-se redundante, criando novos líderes que podem, eventualmente, entrar no papel que ocupam atualmente.

Os verdadeiros líderes da indústria e das empresas sabem que precisam se cercar de pessoas competentes para ter sucesso e buscar ativamente e promover qualidades de liderança nos outros.

Eles não estão preocupados em manter o topo ou preservar o ego – eles entendem que encorajar os outros a melhorar e se tornar líderes significa que eles podem alcançar seus objetivos mais rapidamente, e isso os beneficia, assim como toda a organização / empresa / sociedade.

8. Compreender a Persuasão

Ser um bom líder é essencialmente um exercício de psicologia e comportamento humano. Um líder entende que todas as pessoas, incluindo elas próprias, são criaturas emocionais, e que elas não responderão positivamente a instruções, informações ou orientações às quais sentem hostilidade, confusão ou dúvida.

Como resultado, um líder sabe que ele deve aprender a se comunicar efetivamente usando a linguagem emocional em que a maioria das pessoas vive. Construindo o rapport e falando com o sistema límbico emocional, um líder inteligente é capaz de convencer os outros de que ele ou ela está vindo de um lugar de integridade e conhecimento e dissipar qualquer hesitação ou oposição.

Um líder forte também entende o que motiva os outros a querer ajudá-los em sua causa, e se esforça para encorajar os outros construindo sua confiança e trazendo suas melhores qualidades.

9. Gerenciando Recursos Pessoais

O cérebro é, como um músculo, capaz de exercer uma certa quantidade de esforço de trabalho por um certo período de tempo. E, assim como qualquer outro músculo, ele precisa de tempo de descanso para reconstruir e restaurar a si mesmo.

Nossos corpos emocional e energético são conectados de forma semelhante. Demasiada produção ou estresse em qualquer um desses sistemas por muito tempo resultará em ineficácia, exaustão e, eventualmente, em colapso.

Aqueles determinados a dominar a arte da liderança reconhecem que seus recursos pessoais – sua energia, emoções e mentes – não são ilimitados, e precisam ser recarregados regularmente.

Bons líderes cuidam de si mesmos fisicamente, mentalmente e emocionalmente, e são cuidadosos para não se sobrecarregarem.

10. Sempre vendo a foto maior

Um grande líder sempre se esforça para pensar em termos de um quadro maior, mantendo uma visão panorâmica dos acontecimentos e acontecimentos do dia-a-dia, de modo a não perder o objetivo maior.

Esta é uma coisa que vale a pena fazer, independentemente da sua posição na vida. O Centro iNLP aponta que os problemas de visualização à distância são clinicamente comprovados como um método eficaz de solução de problemas.

Eles se esforçam para manter um senso de clareza em todos os momentos, praticando a visão através do nevoeiro do temporário e sempre mudando, e mantendo seus sites firmados no caminho à frente. Dessa forma, um líder forte não fica preso no pânico ou no drama dos atuais desafios, erros ou obstáculos, e é capaz de lidar eficaz e calmamente com o inesperado sem sair do caminho certo.

Tornando-se um verdadeiro líder

Enquanto líderes reais não são particularmente comuns em nossa sociedade, estudando outros grandes líderes – aqueles que lideram pelo exemplo, que inspiram confiança e lealdade através de sua integridade, que permanecem humildes e de mente aberta, e que são capazes de tomar decisões difíceis para o bem maior – podemos aprender a fortalecer nossas próprias habilidades de liderança e nos tornar mais eficazes em nossos papéis de chefes, gerentes, professores e visionários.

Mais recursos sobre liderança

Crédito da foto em destaque: Ardiss Hutaff via unsplash.com


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *